Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Crescemos para isto?!

Para termos um trabalho?

 

Para termos preocupações fiscais?

 

Para nos endividarmos para a vida por uma casa ou um carro?

 

Para ficarmos mais gordos e inactivos?

 

Para nos preocuparmos quem vai ser o nosso par esta noite?

 

Para nos prepararmos para morrer?

 

 

(apetece-me continuar a perguntar)

 

Não faço estas perguntas para ter respostas, faço-o para partilhá-las convosco (que de certeza também têm as vossas).

 

Há sempre aquelas pessoas que ficam irritadas com estas perguntas, até se tornam agressivas. Mas suponho que essas pessoas também se questionem, pelo menos em relação a alguma coisa.

 

Afinal crescemos e morremos para quê? Apenas porque sim!?

 

Crescemos para amar, deixarmos de amar, sofrermos e voltarmos a amar?

 

Para sonhar? Para conhecermos pessoas que mudam os nossos dias?

 

Para jogar WoW até morrermos de solidão?

 

Talvez apenas para dizermos que estivemos cá e fizemos alguma coisa. O que é certo é que não faço a menor ideia.

 

Bom Fim-de-semana!

Jorge

Música: Dona Maria (ALTAMENTE RECOMENDADO)
Categorias:
Uma criação de Jorge às 14:24
Link do Post | Comentar |
6 comentários:
De Leonardo a 29 de Fevereiro de 2008 às 16:16
Eu acho que os seres humanos fazem parte da natureza. Eu acho que a natureza não tem porquês. Ela simplesmente é.


De Jorge a 29 de Fevereiro de 2008 às 16:41
E o que te leva a pensar assim? Nós os seres humanos também tentamos saber os porquÊs da natureza e da existência, através da(s) Ciência(s) e Filosofia.
De xana a 29 de Fevereiro de 2008 às 22:31
Felizmente ou infelizmente, a minha profissão obriga-me a pensar em questões existenciais muitas vezes. Nem sempre é facil aceitar que tanto trabalho, sacrifícios, estarmos longe de quem gostamos, etc, etc, não é nada no sentido da nossa vida, porque em segundos toda a nossa existência acaba e aí o nosso corpo redime-se a uma mera máquina que deixou de trabalhar e nada mais há a fazer!!!!Mas a vida é mesmo assim, afinal não somos nada???!!!
O melhor será pensarmos nessas questões apenas as vezes suficientes para não nos esquecermos do que realmente é essencial na nossa vida.
De dottoratoamilano a 3 de Março de 2008 às 15:09
"Talvez apenas para dizermos que estivemos cá e fizemos alguma coisa."

E depois de morrer dizemos a quem? :)
De Pinguim a 5 de Março de 2008 às 09:46
Também faço as mesmas perguntas. Também desconheço a resposta a muitas delas. Mas ainda assim, obrigo-me a continuar... e a sonhar...
Jocas fofas
De Ritta a 23 de Março de 2008 às 01:35
... sim senhora, gostei!! perguntas, perguntas e mais perguntas!
Sabes, é a nossa busca de respostas que nos faz avançar! É bom termos sempre perguntas (e sim, aprendi que nem sempre devemos chatear os outros com elas! Cada um tem as suas!!)
Beijos

Comentar post

badge

subscrever feeds

Ideias Recentes

There are four Walt Disne...

...

Hora de Hibernar

Body Balance

Finalmente uma data...

Em Forma...

2 canções de (quase) Amor

Bla Bla Bla... Espera iss...

Simples, não d&aac...

Google Chrome

Categorias

bem-estar(1)

blogue(24)

bushido(43)

caminha(1)

empresa(9)

férias(2)

ficção(10)

filmes(9)

humor(10)

livros(12)

mac(4)

midnight(2)

minho(3)

música(4)

podcast(2)

sapo(2)

séries(4)

vida social(54)

wii(2)

wow(8)

todas as tags

Links

Material Fora de Cena

Julho 2011

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Pesquisar neste Blog

 
blogs SAPO