Quarta-feira, 3 de Outubro de 2007

On Fire - É mesmo para deitar tudo para fora

O meu avô estava a ver o telejornal e disse-me "Sabes, Jorge, quando uma pessoa chega a uma certa idade tem mais dificuldade em compreender e aceitar tanta estupidez junta"! Como eu te percebo, avô! Por isso decidi deitar qualquer ideia que me passou pela cabeça, um telejornal é mais ou menos uma manta de retalhos como esta.

Comecemos pelo desporto-rei. Atrai multidões, enlouquece as pessoas, esvazia os sentimentos humanos e aumenta a violência doméstica. Sim, falo do Xadrez esse avassalador monumento do império português do século XXI. Quantas pessoas já não tiveram as suas vidas estragadas apenas porque um cavalo comeu um bispo ou porque um peão papou a rainha???

Estava aqui a pensar que esta doença da língua azul que tem surgido no gado é um perigo, principalmente se passa para o famoso "menino azul" (depois teria que ser adoptado pelo Pinto da Costa e sem a Carolina Salgado faltaria um lado maternal).


Continuam a publicar informações que sugerem que o nosso primeiro ministro é um mentiroso de primeira apanha, mas como estas informações não estão legalmente autorizadas a vir à luz temos de continuar a dizer que talvez tenha adulterado um pouco a realidade (como fez com a cena da licenciatura). Esperem, não posso escrever coisas destas, ainda vou a tribunal (todos sabemos como o silêncio é de ouro). Reparem que o silêncio deve mesmo a continuar a ser de ouro, recentemente um professor foi despedido por ter feito uma piada sobre a confusão toda relacionada com a licenciatura de Sócrates (epá não estou a falar do filósofo, mas se isto chegar a tribunal digo que estava a falar do filósofo). Já estou farto dessas merdas de resolver tudo em tribunal, venha comigo lá fora sr. primeiro-ministro, vamos resolver isto como homens (ainda era processado por insulto).



Menezes chegou à liderança do PSD e agora vai juntar meia dúzia de mancebos para iniciar uma guerra ao Sul do país (acho que ele gostava muito de ver a série "Norte e Sul" quando era novo). Quando chegar ao Sul vai ter um problema que não preveu, pois até lá a ASAE fecha tudo (ainda ontem foi a cozinha do hospital de Santa Maria)e não têm onde comer (e beber, obviamente).

Tenho saudades da revista Maria e do seu clássico consultório sentimental ("Ah, acabei de fazer sexo com cinco matulões e três dos "piquenos" será que ainda sou virgem e posso casar de branco?"). Aliás tenho uma certa desconfiança que é isso que fazem os maçons quando se reúnem, levam umas revistas Maria e divertem-se a ler aquilo.

Estou farto de escrever, vou sair do pc. Eh lá tanto polícia à minha porta, espero que não me levem para o Parque das Nações...

FOTOS: Elina Mer
Categorias:
Uma criação de Jorge às 18:30
Link do Post | Comentar |
badge

subscrever feeds

Ideias Recentes

There are four Walt Disne...

...

Hora de Hibernar

Body Balance

Finalmente uma data...

Em Forma...

2 canções de (quase) Amor

Bla Bla Bla... Espera iss...

Simples, não d&aac...

Google Chrome

Categorias

bem-estar(1)

blogue(24)

bushido(43)

caminha(1)

empresa(9)

férias(2)

ficção(10)

filmes(9)

humor(10)

livros(12)

mac(4)

midnight(2)

minho(3)

música(4)

podcast(2)

sapo(2)

séries(4)

vida social(54)

wii(2)

wow(8)

todas as tags

Links

Material Fora de Cena

Julho 2011

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Pesquisar neste Blog

 
blogs SAPO